Por que as vendas do e-commerce sobem quando você usa CDN

Por que as vendas do e-commerce sobem quando você usa CDN

O desempenho do site afeta diretamente as vendas de um e-commerce. Se as páginas demoram muito tempo para carregar, é bem provável que os consumidores desistam da compra e partam para um concorrente. Portanto, a loja virtual precisa de soluções para otimizar o desempenho, como reduzir a latência, por exemplo. . Veja por que uma CDN funciona como excelente alternativa.

Velocidade do site afeta as vendas do e-commerce

Digamos que você queira vender roupas pela internet. Nesse caso, é importante alimentar o catálogo on-line com muitas imagens em alta resolução. A clientela gosta de observar cada detalhe da peça antes de fechar negócio, então o conteúdo visual torna-se um elemento importante do site.

Ocorre que os arquivos de imagem são muito pesados e podem demorar a carregar. Aí, quando a espera se estende, os índices de rejeição à página tendem a subir.

Um levantamento da gigante do e-commerce Amazon mostrou que cada 100 milissegundos de latência (a demora na transferência de dados) significam 1% a menos de receita. Parece pouco para um pequeno empreendimento, mas calcule quanto isso representa numa operação que movimentou US$ 177,9 bilhões em 2017.

Cada instante conta muito na web. Consultorias especializadas indicam que a espera do usuário não deve passar de três segundos. Acima disso, a experiência de navegação já fica comprometida. Os clientes em potencial se debandam em busca de uma loja que atenda às suas demandas com mais agilidade.

Sendo assim, o que fazer para o catálogo on-line carregar instantaneamente? Confiar numa rede de distribuição de conteúdo, conhecida pela sigla em inglês CDN. Essa será a diferença entre a rejeição e a conversão de vendas do e-commerce.

Como a CDN ajuda a aumentar a conversão

Uma CDN ajuda a loja virtual a armazenar arquivos pesados, como as benditas imagens em alta resolução. Em vez de todo esse material ficar hospedado num único servidor, o conteúdo é distribuído em pontos de presença ao redor do globo.

Assim que um visitante acessa o site, ele se conecta ao data center mais próximo. A resposta chega na hora. A latência cai vertiginosamente, o que também diminui a taxa de rejeição.

A consequência positiva não poderia ser mais óbvia. Mais gente visitando seu e-commerce significa mais possibilidades de vendas.

Além disso, você conquista a lealdade do consumidor. Imagine a cena: Marina visitou uma loja on-line para comprar um vestido, mas o site era lento demais. Ela desistiu daquela empresa e foi em busca de uma alternativa.

A segunda opção encontrada funcionou num segundo. A moça vasculhou os modelos do catálogo, encontrou a roupa que procurava e finalizou o pedido sem problemas.

Qual loja você acha que será a preferida de Marina? A concorrente do site lento ou o e-commerce superveloz? Nem precisa responder, né? Da próxima vez que a consumidora procurar um vestido, ela retornará ao site que ofereceu a melhor experiência.

Em resumo, a CDN tem influência direta na latência do website. E, quanto menos latência, mais chances há de reter o público e incrementar as vendas do seu negócio.

Os consumidores compram on-line para fugir das filas. Não faz sentido deixá-los esperando. Invista numa CDN e ofereça o melhor serviço para sua clientela.

Comentário(s)